Sexta, 21 de Janeiro de 2022 05:33
63 98426-4893
Capital Belém

Integra Belém conta com 25 serviços que promovem a integração do sistema de transporte coletivo

Belém busca promover mais qualidade ao transporte público coletivo por ônibus, principalmente por meio da criação de novas linhas

29/11/2021 10h00
Por: Redação Fonte: Rosangela Gusmao
Foto: Publicação Ascom semor
Foto: Publicação Ascom semor

Desenvolvido pela Prefeitura de Belém, por meio da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (SeMOB), o Integra Belém busca promover mais qualidade ao transporte público coletivo por ônibus, principalmente por meio da criação de novas linhas, da maior oferta de integração entre as viagens e de alteração de itinerários.

A segunda fase do programa foi iniciada neste sábado, dia 27, com criação de linhas e alteração de itinerários e integração ao BRT através dos terminais Maracacuera, Mangueirão e São Brás. Até o momento, em suas duas fases, o Integra Belém contempla 25 novos serviços.

Ampliação e reforço - “Na segunda fase foram previstas a criação de duas linhas e modificação no itinerário de cinco linhas. A seleção dos serviços a serem implantados, nesta fase, teve como parâmetros principais a ampliação da mobilidade dos usuários dos distritos de Outeiro e Icoaraci e ao reforço à integração do transporte coletivo por ônibus com a criação de novas linhas alimentadoras e da linha troncal Maracacuera-Presidente Vargas", explicou a Superintendente Ana Valéria Borges. 

Quatro linhas passam a funcionar como alimentadoras do Terminal Mangueirão. São elas: 878.2 Cidade Nova – Mangueirão (Una), 771 Canarinho – Mangueirão, 890 Eduardo Angelim – Mangueirão, Linha 996 Águas Lindas – Mangueirão, que saem de seus terminais de linha nos bairros e alimentam o terminal Mangueirão. Outra novidade é a linha Paracuri I-Presidente Vargas e a Maracacuera-Presidente Vargas, que passarão pelos terminais de integração e pelas estações, na canaleta. A partir de São Brás, essas linhas seguirão destino à Presidente Vargas. O sétimo serviço, a nova linha Icoaraci-Outeiro, que não terá integração, pois é uma linha interbairros, só entrará em operação no próximo final de semana.

Opiniões - Os usuários acham que ainda é cedo para falar dos novos serviços. A doméstica Elza Rodrigues e a atendente Elissandra Souza disseram que vão aguardar mais uns dias para poder emitir opinião. Elas chegaram ao terminal Mangueirão, a bordo de um ônibus da linha Canarinho-Mangueirão, serviço implantado hoje, e iriam para o centro da cidade. “Espero que esse novo serviço venha nos trazer mais praticidade”, disse Elza. Já a atendente ressaltou que “agora teremos mais opções de linhas e mais facilidade”.

A diarista Edilza Almeida festejou, pois, antes, ela pagava duas passagens para chegar ao trabalho e mais duas passagens para retornar para casa. “Com a integração, a partir de hoje, poderei me deslocar ao trabalho utilizando apenas uma passagem e ainda vou poder chegar mais cedo”, disse.

As dúvidas nos primeiros dias são muitos comuns quando se tratam de mudanças. Para isso, 128 recepcionistas foram treinados para melhor recepcionar os usuários e orientá-los dentro dos terminais e estações. No Terminal Mangueirão, de onde chega e parte a maior quantidade de linhas para diversos destinos, são 10 recepcionistas por turnos. Além disso, quatro agentes de transportes e funcionários do SETRANSBEL, que trabalham em parceria com a SeMOB, dão o apoio na orientação aos usuários no terminal Mangueirão. 

A recepcionista Alana Campos explicou que os usuários são orientados assim que desembarcam das linhas alimentadoras, na plataforma de integração, para qual ponto de embarque/desembarque, nas três plataformas, devem se dirigir. Segundo ela, é questão de tempo para todos se adaptarem. “Alguns usuários da primeira fase já começam a se habituar com os novos serviços e não têm tantas dúvidas”, disse a recepcionista.

Sistema de integração garante maior a oferta de destinos e de horários -  Por isso, a demanda aumentou.  “Na primeira fase observamos o aumento da demanda em várias linhas. No dia 12/11 que antecedeu o início da primeira fase, foram registrados aproximadamente 16 mil passageiros/dia na linha Maracacuera - São Brás. No final desta semana, observamos que a demanda na linha em questão foi de aproximadamente 20 mil passageiros/dia", explicou a superintendente Ana Valéria Borges.

"Nesta segunda fase continuaremos a monitorar e efetuar os ajustes necessários nos serviços implantados. Por isso, solicitamos aos usuários que nos informem sobre falhas na prestação dos serviços, de modo que possamos realizar as devidas correções", completou a superintendente.

Cabe lembrar que a SeMOB pode ser contatada pelos seguintes canais de comunicação: site (acesse aqui), e-mail ([email protected]) ou entrando em contato pelos números 118 ou (91) 98415-4587 ou pelo Twitter @semob_bel, e Instagram e Facebook @semob.pmb. O usuário também pode acessar os itinerários das linhas da 1ª e das 2ª fases do Integra Belém, no link (acesse aqui).

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Capitais
Sobre Capitais
Ele1 - Criar site de notícias